Notícias

Prefeito anuncia ampliação de UTI para atender aumento de casos de AVC e infarto

Data de Publicação: 24 de novembro de 2022
Fotos: Assessoria de comunicação


prefeito-anuncia-ampliacao-de-uti-para-atender-aumento-de-casos-de-avc-e-infarto

Na manhã desta quinta-feira, 24, o prefeito Paulo Silva, acompanhado da secretária e da gerente de Saúde, Clara Carvalho e Patrícia Santon, anunciou que a Prefeitura de Mogi Mirim vai aumentar o número de leitos de UTI Adulto (Unidade de Tratamento Intenso) da Santa Casa. 

A decisão foi tomada após a Secretaria de Saúde observar um aumento inusitado de casos de AVC (Acidente Vascular Cerebral) e de IAM (Infarto Agudo do Miocárdio), nos últimos 30 dias. 

De acordo com o prefeito, as ondas atípicas de frio, que estão ocorrendo neste período de primavera, são uma hipótese apontada como responsável pelos casos. “As pessoas também podem estar sendo acometidas por síndromes e complicações do pós Covid”, completou Paulo Silva. 


Já a secretária de Saúde, Clara Carvalho ressaltou que o aumento de casos de AVC e de infarto não é uma exclusividade de Mogi Mirim. “Em contato com outras cidades, a gente soube que esta também é uma realidade delas, sendo que nós, desde que detectamos esse aumento, já começamos a estudar com o financeiro e com o jurídico quais medidas poderíamos tomar”, frisou. 


Atualmente, a Santa Casa dispõe de uma UTI Adulto que conta com 10 leitos, sendo que todos eles estão ocupados. Já nos próximos dias, a entidade passará a contar com duas UTIs com oito leitos cada, somando 16 leitos. 


Para executar a ampliação, de forma emergencial, a Administração Municipal fez um remanejamento de recursos, sendo que os leitos de UTI custarão R$ 300 mil por mês, somando R$ 3,6 milhões por ano ao município.


De acordo com a gerente em Saúde, Patrícia Santon, uma nova equipe médica com enfermagem, fisioterapeutas, administrativo e limpeza será contratada para colocar a nova UTI em funcionamento, sendo que currículos já estão sendo selecionados e entrevistas realizadas. 

Importante ressaltar que o Ministério da Saúde indica 1 leito de UTI para cada 10.000 habitantes. Mogi Mirim estará com 60% a mais de leitos do que indica o MS.

COVID-19
O prefeito ainda lembrou que o Brasil tem vivido um novo aumento nos casos positivos de Covid-19 e que, apesar de ser uma onda em que a doença se apresenta de forma leve, o município precisa estar preparado para atender a população. “Nossa orientação é para que a população mantenha a vacina em dia. Quanto aos casos de AVC e de infarto é importante cuidar da saúde de forma preventiva, indo ao médico e buscando o controle de doenças como pressão alta e diabetes com alimentação saudável, exercícios físicos e sem fumar”., finalizou


c6bb3617-24f5-4bae-bb54-27dbf8737cf4.jpg
c6bb3617-24f5-4bae-bb54-27dbf8737cf4.jpg