Prefeitura Municipal de Mogi Mirim

Secretaria de Saúde

09/10
2017
0 comentários

Testes rápidos identificam mais 23 casos de doenças virais

As ações realizadas pela Secretaria de Saúde em setembro detectaram que o maior número de contágios foi por sífilis. Na sequência está a hepatite B seguido por HIV. Os dados constam em relatório divulgado pela Vigilância em Saúde na sexta-feira (6)

Foram realizados mais de mil exames e os resultados apontaram 23 casos alterados, ou seja, positivos para alguma espécie de contágio viral. Todos os pacientes foram encaminhados para acompanhamento médico.

Os testes rápidos são realizados frequentemente nas UBS’s (Unidades Básicas de Saúde). Especificamente no dia 23 houve o Dia D e no dia 27 os testes rápidos foram feitos durante a Feira Noturna, no Espaço Cidadão.

 

QUANTIDADES DE TESTES RÁPIDOS REALIZADOS – ROTINA SETEMBRO/2017 E CAMPANHAS 22/09 E 27/09
TODAS AS UNIDADES DE SAÚDE Dia TRD HIV TR Sífilis TR Hepatite B TR Hepatite C
Realizados Positivos Realizados Positivos Realizados Positivos Realizados Positivos
TESTES RÁPIDOS Campanha 22/09 49 0 49 4 48 0 49 2
Rotina UBS 178 1 172 8 174 0 174 4
Feira Noturna 27/09 47 0 47 2 47 0 47 2
TOTAL   274 1 268 14 269 0 270 8

Fonte: Vigilância em Saúde

 

Cronograma

Em outubro também está programada a realização dos testes rápidos.

No dia 20 (sexta-feira), os exames serão realizados nas Unidades Básicas de Saúde (UBS). No dia 25 (quarta-feira), a partir das 17h00, os trabalhos serão feitos na Feira Noturna, localizada no Espaço Cidadão.

Testes Rápidos em outubro

Dia

Local

20

UBS’s

25

Feira Noturna

 

Fique por dentro

Como ocorre a transmissão destas doenças?

Relação sexual desprotegida (o não uso da camisinha nas relações sexuais) com alguém que se encontra infectado;

O compartilhamento de objetos perfurocortantes, piercings, materiais de tatuadores, materiais de manicure e pedicure, materiais de acupuntura, seringas e agulhas contaminadas e por transfusão de sangue contaminado ou, ainda, da mãe infectada para o bebê durante a gestação ou no momento do parto, também podem transmitir essas infecções;

No caso do HIV, a transmissão pode ocorrer também durante a amamentação.

 

Quem deve fazer os testes de Hepatites B e C, Aids e Sífilis?

Os testes são indicados para qualquer pessoa que passou por alguma das seguintes situações de risco

Manteve relação sexual (oral, vaginal, anal) sem uso de camisinha;

Teve alguma doença sexualmente transmissível (DST) ou tuberculose;

Compartilhou agulhas ou seringas;

Se estiver grávida.

 

Qual a importância em fazer o teste?

Se o resultado do teste for positivo poderá iniciar o tratamento imediatamente, pois isso, pode lhe trazer mais qualidade de vida, além de evitar a transmissão para outra pessoa;

Em caso de gravidez, é possível prevenir a infecção no bebê por meio de acompanhamento e tratamento adequados.

 

Compartilhe:

0 Comentários

Ainda não foram feitos comentários.

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados *

CAPTCHA security code

Jornal Oficial

Arquivos: Secretarias

Cadastre-se para receber novidades

Seu e-mail estará seguro conosco.
Nós não iremos compartilhar suas informações!